quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Luz para um mundo em trevas

"Porque eis que as trevas cobriram a Terra, e a escuridão, os povos; mas sobre ti o Senhor virá surgindo, e a Sua glória se verá sobre ti. E as nações caminharão à tua luz, e os reis, ao resplendor que te nasceu." (Isaías 60:2, 3).

 
Trevas cobrem a Terra, e densa escuridão os povos, e quão ardentemente deveríamos desejar a presença do Instrutor divino, para nos guiar no caminho da verdade e justiça! Deus já falou aos homens em tempos antigos e de várias maneiras, no entanto está a aumentar a ignorância do mundo. Devemos falar com linguagem mais clara acerca da verdade, a fim de que possamos levar aos homens o conhecimento de Deus. A distinção entre cristãos e mundanos tem de ser mais pronunciada. A Bíblia deve tornar-se um livro mais preeminente entre nós, e o atento e diligente indagador deve, com profundo esforço, buscar o tesouro escondido. As máximas dos homens, os dogmas do erro embora apresentados pelos que professam ser intérpretes da Palavra de Deus, têm de ser rejeitados, pois são designados a encobrir a verdade, e a mistificar a importância espiritual do evangelho sagrado. Os que se empenharem em buscar o tesouro escondido, encontrá-lo-ão. [...]
 
Os judeus volveram-se do Senhor Jesus, a quem os profetas haviam predito como o Messias vindouro, e não foram capazes de ver a finalidade daquilo que foi abolido. Anulando a lei de Deus, tendo aversão à verdade, o mundo cristão volveu costas a Cristo, tornando manifesto o fato de que não estavam acostumados a atentar para a verdade de origem celeste. As trevas se tornaram qual mortalha a cobrir a Terra toda. Não é agora o tempo de nos tornarmos débeis e doentios na fé. Não é tempo para permitir que o mundo converta a igreja de Deus. Levantem-se e resplandeçam agora os que possuem a luz, reunindo todos os raios de luz divina que lhes sejam comunicados.
 
Os que aguardam o aparecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo não se podem misturar com os que amam os prazeres mais do que a Deus, e que buscam entreter-se com jogos e reuniões de prazer. Como vigias fiéis devem proclamar a advertência: “Vem a manhã, e, também a noite.” (Isaías 21:12).
 
Ellen G. White. Meditação Matinal: Para Conhecê-Lo, p. 340